Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Humanidade’

Cena aberta

Sombras do símbolo da paz
Projetadas no ardente chão
Que escorre suor em cada vão…
Mais uma miragem que se desfaz

Ao correr ao lado do rapaz
Que só, labuta sem direção.
E abre-se a frente um coração
Como fosse estréia em cartaz,

E aos nós as ligas da razão
Agitam-se numa briga audaz.
Mas diante da rubra imensidão

Desligam-se do ‘mal’ tão fugaz
E indagam essa infinita vastidão
De amor, de alegria e de paz
[?]

Read Full Post »

Tirem-me da frente tudo que

Possa valer como nome

Norma, forma ou sobrenome

Não agüento mais definições

Rótulos, etiquetas e todos esses palavrões

Tudo que separa mesa por mesa

E lava, e seca e breca.

Tirem-me da frente,

Já disse!

Ou precisam que repito?

Toda essa parafernálha de deus[es]

Semi-deuses e todos mais…

Que enfileiram, empilham

E com um certo golpe, depois

Pontapeiam belamente a frente e enfrente,

E riem descaradamente

Olhando as bolas descerem ladeira abaixo

Ao encontro, talvez, dos diabos.

Mas que tanto têm contra o diabo?

Que fez ele, me digam?

Que fez ele?
Também quero saber!

O tenho direito, não o tenho?

[…]

Não têm a resposta, hã?!

Eu sabia!

Estamos quites, então: nem eu, nem vocês.

Mas saiam daqui! Tenho pressa

Preciso aprender a pensar

No pensar do pensar.

Read Full Post »